19 de jan de 2015

Então...

Então depois de muito tempo venho aqui para meio que desabafar.

Algo aconteceu no último domingo que me fez refletir muito, um tempo atrás li um livro muito bom que fala sobre o suicídio, bulling, e como as pessoas interferem na vida do outro sem mesmo notar. Hannah Baker é uma adolescente que vai a escola, se relaciona como todo mundo, uma hora ela está aqui na outra como areia entre os dedos não mais. Ela comete suicídio, e antes desse ato se concretizar ela grava os 13 motivos que a fizeram acabar com a própria vida, de uma forma meio inusitada 13 pessoas descobrem que tiveram um grande efeito na vida de Hannah.

Jay Asher me prendeu do início ao fim, ele me fez pensar muito e me envolver com Hannah, acho que isso acontece muito com quem lê este livro, por que simplesmente é incrível como ele trata. (Se alguém quiser comprar, ou me presentear, o livro: Os 13 porquês de Jay Asher editora Ática. Links: 1, 2)

Mas por que as pessoas se matam? Há tantas querendo viver... Isso é algo que nunca vou compreender, não sou a melhor pessoa, quem sou eu pra falar se a pessoa fez certo ou não. Nos noticiários, percebam,  não é falado que tantas pessoas se mataram hoje, tudo isso para não influenciar no pensamento de alguém. Um erro é as pessoas pensarem que isso não ocorre perto da gente, segundo dados da Organização Mundial da Saúde(OMS), o suicídio é a 14º causa de morte no mundo, e as pessoas tratam isso como tabu, sendo que o suicídio é uma forma de falar, já que ninguém a ouviu em vida. Sei disso por que pesquisei para escrever, então é preciso falar e ouvir.

"As pessoas tem um impacto na vida dos outros isso é inegável ". Jay Asher

Isso é sério, você tem um efeito na vida do seu próximo, isso é bom ou ruim? Como você está agindo?
Já ouvi de alguém que eu abracei, "obrigada estava precisando". Já ouvi, "como você sabia que eu precisa conversar?", "obrigada por ouvir", "obrigada por estar por perto".. assim como eu já disse "obrigada por me abraçar", "obrigada por seu carinho", todos gostamos de elogios, de receber amor e carinho, isso tem um efeito tão grande que é preciso espalhar.  Você não sabe o que a pessoa ao seu lado no ônibus, no trem no metro está passando, mas um sorriso pode ajudar. Com seus amigos um "quer conversar?", "como você realmente está?", "oi, tudo bem? Que calor é esse não é?!" faz a diferença, uma diferença que você nem imagina.

Você não está sozinho, tente de alguma forma conversar com alguém, vergonha? medo? Fale sozinho, mas realmente, tente falar com alguém, somos seres humanos e vivemos em sociedade, não somos feitos para viver isolados, se assim o fosse, não faríamos amigos, não teríamos namorado, colegas de trabalho, de escola, de cursinho, de isso de aquilo, não teríamos família e assim por diante.

"Ninguém é perfeito, mas podemos lutar para sermos melhores" Jay Asher

 E é assim ( que finalmente rssrs), termino. Sejam mais próximos uns dos outros, procure ser a diferença para essa pessoas, e não se esqueçam: Você causam um efeito nas pessoas, sejam um efeito bom, alegre, positivo, ouvinte  e presente!
 Desculpe se escrevi algumas baboseiras, acontece, rsrsrs.

Com carinho e sinceridade, Samara








Nenhum comentário:

Postar um comentário